Home / Lifestyle  / Yoga além do tapete!

Yoga além do tapete!

O yoga é uma prática milenar que se originou no Oriente e que vem ganhando cada vez mais popularidade no Ocidente. Essa prática pode proporcionar diversos benefícios aos praticantes tanto em aspectos físicos, como em

O yoga é uma prática milenar que se originou no Oriente e que vem ganhando cada vez mais popularidade no Ocidente. Essa prática pode proporcionar diversos benefícios aos praticantes tanto em aspectos físicos, como em aspectos comportamentais, mentais, emocionais, e espirituais. Quer saber mais? A Júlia Foletto, Instrutora de Yoga, Graduada em Educação Física e Mestre em Psicologia fala sobre o assunto no texto que escreveu para o site.

Ao ouvirem falar sobre Yoga, muitas pessoas logo relacionam essa palavra à posturas físicas, ou então à meditação.  Se você é uma dessas pessoas, você deve estar se perguntando de que modo o yoga pode influenciar e contribuir em tantos aspectos da vida do ser humano.  Como poderiam, por exemplo, as posturas físicas ou a meditação mudar e beneficiar aspectos comportamentais?
Pois então, para explicar isso, é preciso entender que o Yoga vai MUUUITO além das famosas posturas físicas e meditação. O Yoga é um sistema bastante complexo e as posturas são apenas um dos vários aspectos dessa prática. Hoje vou apresentar pra vocês as Oito Partes Yoga de Patañjali. Eles são (ou deveriam ser) os pilares de toda a prática de Yoga. 
A primeira parte são os Yamas, que seriam as proscrições, ou seja, o que não devemos fazer, ou o que devemos evitar. As escrituras do Yoga apresentam cinco Yamas, que são: Ahimsa (Não violência); Satya (Não mentir); Asteya (Não roubar); Brahmacharya (Contenção); e Aparigraha (Não apego).
A segunda parte trás os Niyamas, que seriam as prescrições, ou seja, o que devemos cultivar. Os cinco Niyamas são: Saucha (Purificação); Samtosha (Contentamento); Tapas (Disciplina); Svadhyaya (Estudo de si) e Isvara-pranidana (Entrega). 
As seguintes partes do Yoga de Patañjali são: Asana (Posturas Físicas); Pranayama (Técnicas Respiratórias); Pratyahara (Retração dos sentidos), Dhyana (Meditação) e Samadhi (Estado de iluminação). 

É importante ressaltar que o significado de cada um desses preceitos, principalmente dos Yamas e Niyamas, vai muito além da tradução literal. Cada um trás um significado enorme e infinitas possibilidades de aplicação na vida diária dos praticantes. Um exemplo disso seria que a não violência, vai muito além de não ferir ou machucar alguém fisicamente. A não violência requer que o praticante cuide e  não seja violento em palavras e pensamentos também. Ela também representa o autocuidado e o cuidado que temos com nossa alimentação, com nossos hábitos, relações etc. 
Além disso, esses dois primeiros membros/partes são os principais pilares da prática. São eles que sustentarão os seguintes aspectos, isto porque, não faz sentido o praticante fazer posturas se não estiver atento aos preceitos. Se ele não fizer as posturas com o princípio da não violência, provavelmente passará dos seus limites e irá se lesionar, se praticar posturas sem disciplina, provavelmente se perderá no caminho e irá desistir, se praticar sem contentamento, terá dias em que irá se frustrar por não ter conseguido realizar determinada postura. 
Enfim, esses ensinamentos propostos pelos Yamas e Niyamas tem um valor imenso na prática de Yoga e não devem ser deixados de lado. São eles que possibilitarão o autoconhecimento do praticante, e consequentemente ajudarão nas mudanças comportamentais, contribuindo para o acontecimento de todos os demais benefícios falamos anteriormente. 
Se você tem vontade de aprender mais sobre Yoga, procure um professor e mergulhe nesse lindo caminho, afinal o yoga vai muito além da prática no tapetinho!
Texto escrito pela Instrutora de Yoga Júlia Foletto.

POST TAGS:

[email protected]ureba.com.br

Mari Weckerle é arquiteta, gaúcha e especialista em gastronomia saudável! É a Criadora da Plataforma Digital Guria Natureba e curadora da SOW!

Visão geral da revisão
SEM COMENTÁRIOS

Desculpe, o formulário de comentários está fechado neste momento.