Home / Beauty  / Envelhecimento saudável

Envelhecimento saudável

Com o passar do tempo a pele tende a ficar mais fina, mais seca e flácida. Isso ocorre principalmente pela redução e quebra das fibras de colágeno e elastina. A perda progressiva de colágeno faz

Com o passar do tempo a pele tende a ficar mais fina, mais seca e flácida. Isso ocorre principalmente pela redução e quebra das fibras de colágeno e elastina. A perda progressiva de colágeno faz parte do envelhecimento natural e após os 25 anos perdemos cerca de 1% do colágeno a cada ano. Por ser tão gradual essa redução acaba sendo percebida mais claramente após os 35-40 anos. Existem variações individuais genéticas e ambientais que podem fazer com que as pessoas diferentes da mesma idade tenham graus de perda também distintos.


O principal fator ambiental envolvido é a radiação solar. De todo o espectro da radiação solar os raios UVA são os principais responsáveis pela elastose que é a quebra das fibras elásticas e pela perda de colágeno, que em última análise conferem à pele o aspecto envelhecido, enrugado e flácido.


Além disso a poluição e toxinas do nosso metabolismo (os famosos radicais livres) contribuem para o envelhecimento. Por isso é tão importante uma dieta rica em antioxidantes e vitaminas e evitar alimentos com açúcar e gorduras saturadas, uso de álcool e cigarro. Para metabolizar essas substâncias nosso organismo acaba produzindo radicais livres e toxinas que por diversas maneiras levam ao envelhecimento precoce.


A prática de exercícios físicos melhora nosso metabolismo de uma maneira global e ainda contribui para a firmeza muscular. Quando pensamos em flacidez corporal precisamos avaliar se há flacidez de pele e ou também flacidez muscular. São questões diferentes e que têm tratamentos também específicos.


A Medicina evoluiu muito nos últimos anos com diversos tipos de tratamentos e suplementos, mas levar uma vida saudável focada na boa nutrição, prática regular de atividade física e medidas de controle do stress é imprescindível quando falamos de envelhecimento saudável. A suplementação de colágeno que era controversa já tem produtos e doses estabelecidos e pode ser utilizada em muitos casos.


Entre os tratamentos de uso tópico a vitamina c e outros antioxidantes como o resveratrol, vitamina E e derivados do própolis auxiliam no combate aos radicais livres e danos causados pela radiação solar. É interessante que sejam utilizados principalmente de manhã porque é quando nos expomos mais a todos esses elementos nocivos.


Entre os ácidos que promovem renovação celular, com melhora da textura, de poros e cravinhos estão o ácido glicólico e mandélico que são alfa hidróxiacidos (AHA) e o ácido salicílico que é da família dos beta hidróxiacidos (BHA). O ácido retinóico e seu derivado mais suave o retinol também promovem renovação celular mas também estimulam a formação de novo colágeno, por isso é importante sua presença nos cremes noturnos. O ácido hialurônico tem a função principal de hidratação que confere viço e tira aquele craquelado indesejado.


Os procedimentos dermatológicos são um complemento importante quando já percebemos os primeiros sinais do envelhecimento e cada um deles é destinado a um tratamento específico. Peelings e lasers para melhora de manchas e textura, toxina botulínica para atenuar e prevenir linhas de expressão e preenchimento com ácido hialurônico para sustentar e reestruturar áreas que vão perdendo o suporte ósseo e de gordura com os anos. 


Além disso agora também podemos contar com os bioestimuladores que são tratamentos injetáveis (Sculptra, Radiesse, HarmonyCa entre outros) ou aparelhos como ultrassom microfocado (Ultraformer) e radiofrequência (exilis entre outros). Essa nova gama de produtos trabalha no estímulo à formação de novo colágeno pela nossa pele que devolve a firmeza e o tônus de uma pele saudável e jovem.


O ideal é uma combinação desses tratamentos para resultados naturais e leves que mantenham a fisionomia da pessoa sem mudanças exageradas nem perda de identidade.




@sow.gn é uma curadoria da Mari Weckerle, a @gurianatureba.

Você já nos segue no Instagram? Confere os outros posts, você vai amar!

Clica aqui para conferir outros posts sobre make e skincare.

[email protected]

A Dra Gabriela Maldonado é graduada em Medicina pela UFRGS, com Residência Médica em Dermatologia pela Escola de Saúde Pública - Ambulatório de Dermatologia Sanitária. É membro efetivo da Sociedade Brasileira e Americana de Dermatologia e Mestre em Medicina - Ciências Médicas com enfoque em Dermatologia pela UFRGS. | @gabrielamaldonado_dermato

Visão geral da revisão
SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta