Home / Produtos Sustentáveis  / Sustentabilidade no mercado: dicas para evitar o desperdício

Sustentabilidade no mercado: dicas para evitar o desperdício

Sustentabilidade no mercado é possível? Claro que sim! Fique ligado nessas dicas para quando você for às compras, dessa forma você evita o desperdício de alimentos (e de dinheiro) e poupa o planeta de lixos

Sustentabilidade no mercado é possível? Claro que sim! Fique ligado nessas dicas para quando você for às compras, dessa forma você evita o desperdício de alimentos (e de dinheiro) e poupa o planeta de lixos desnecessários e mais sacolas plásticas voando por aí.


A primeira dica é sobre a lista de compras! Faça uma e, importantíssimo, atenha-se a ela! Evite compras por impulso, a chance de elas pararem no lixo é grande.


Leve sacolas reutilizáveis, caixas de papelão ou aqueles carrinhos de feira quando for às compras, assim evitamos as terríveis sacolas de plástico.


Procure comprar em lojas a granel, hortifruti, açougues e mercadinhos locais, aqueles de esquina, sabe? Além de economizar e usar menos embalagens que viram lixo, você estará apoiando pequenos produtores e micro empreendedores locais, mantendo a roda da economia girando de forma mais justa.


Opte por produtos em embalagens de papel, vidro ou metal, quanto menos plástico melhor!


Armazene a comida de forma correta! Congele o que dá para ser congelado, estendendo a sua vida útil. Mas não deixe aquele potinho de sorvete que na verdade tem feijão esquecido no seu freezer, anote no potinho eu em uma etiqueta a data que você congelou e fique atento a quanto tempo a comida dura quando congelada. 


Ah! E não esqueça de sempre checar a data de vencimento de tudo que for comprar! Em contexto de quarentena podemos ficar tentados a estocar muita comida e produtos de necessidade básica, mas isso não pode ser exagerado. Além de muita coisa acabar indo fora por causa da validade, ao comprar grandes quantidades você deixa as outras pessoas sem, vamos pensar na coletividade!


Quando for ao supermercado, procure comprar as coisas com o período de duas semanas em mente, esse tempo é o mínimo que devemos ficar em quarentena após se expor ao vírus.


Além disso, evite alimentos muito processados, priorize “matérias primas”, que podem gerar diversas receitas, isso adiciona variedade e saúde à sua dieta.


Vamos ao que não pode faltar na sua despensa e geladeira! 
  • Arroz e feijão são itens básicos. Variações do tipo de feijão (o preto, por exemplo) ou dos grãos, como lentilha e grão de bico.
  • Azeite e óleo vegetal são essenciais no dia a dia da cozinha. Como duram muito tempo, podem ser estocados.
  • Variedades diferentes de macarrão, evitando massas que podem ser aproveitadas em menos pratos como a de lasanha, capeletti e ravioli.
  • Laticínios costumam durar duas semanas ou até mais. Além de serem “matéria prima” para muitas receitas.
  • Laranja, abacaxi e maracujá são frutas que duram muito tempo e também são ótimas em sucos, bolos e doces. 
  • Os limões podem ser congelados em forma de suco em forminhas de gelo, dessa forma sempre tem para aquela receita de peixe, por exemplo.
  • Maçã, uva e morango precisam ser consumidas um pouco mais rápido, mas são ótimas opções. 
  • Batata, cenoura e abóbora são legumes bastante resistentes que, em geral, não precisam ir à geladeira. 
  • As folhas duram menos, recomendamos espinafre, couve e brócolis, que podem ser branqueados para aumentar sua validade.
  • Carnes podem ser compradas em quantidade generosa, particionadas (em bifes ou cubos) e armazenadas no freezer. Carne moída é um coringa, ótimo de se ter congelada.
  • Os itens de hortifruti podem ser comprados em relação à sua sazonalidade, isso poupa dinheiro! Confira a seguir o que está em safra em cada mês.

Janeiro e Fevereiro

Abóbora, abobrinha, alface, beterraba, cebola, cebolinha, pepino, pimentão vermelho, quiabo, tomate, salsa, abacate, amêndoa, carambola, coco verde, figo, framboesa, fruta-do-conde, goiaba, jaca, laranja pera, jaca, mamão, maçã, melancia e uva.


Março e Abril

Abóbora, alho-poró, batata-doce, berinjela, beterraba, cenoura, chicória, chuchu, erva doce, gengibre, inhame, mandioca, mandioquinha, milho verde, nabo, pimenta, pinhão, rabanete, abacate, banana, coco verde, figo, fruta-do-conde, goiaba, jaca, kiwi, laranja, limão, maçã, mamão, pêra, tangerina e uva.


Maio e Junho

Abóbora, alho-poró, batata-doce, berinjela, beterraba, cenoura, chicória, chuchu, erva doce, gengibre, inhame, mandioca, mandioquinha, milho verde, nabo, pimenta, pinhão, rabanete, abacate, banana, caqui, carambola, figo, jaca,  kiwi, laranja, maçã, tangerina e uva.


Julho e Agosto

Abóbora, agrião, alho, alho-poró, batata-doce, brócolis, cebola, coentro, chicória, couve, couve-flor, erva-doce, escarola, espinafre, ervilha, inhame, mandioca, mandioquinha, mostarda, nabo, pimentão vermelho, rabanete, rúcula, banana, caju, carambola, kiwi, laranja, lima-da-pérsia, maçã, mamão, mexerica, morango e tangerina.


Setembro e Outubro

Abóbora, alho, alho-poró, aspargo, beterraba, batata-doce, berinjela, brócolis, cebola, cebolinha, cenoura, chicória, coentro, couve-flor, erva-doce, espinafre, inhame, rabanete, pepino, pimentão, rabanete, tomate, acerola, banana, caju, coco verde, jabuticaba, laranja, lima-da-pérsia, maçã, mamão, manga, nêspera e tangerina.


Novembro e Dezembro

Abobrinha, alho, alho-poró, aipo, aspargo, batata, beterraba, cebola, cebolinha, cenoura, endívias, erva-doce, pimentão, rúcula, salsa, tomate, vagem, abacaxi, ameixa, amêndoa, banana, cereja, damasco, coco verde, figo, framboesa, graviola, laranja, lichia, limão, maçã, maracujá, manga, melancia, melão, nectarina, pêssego, romã e uva.




@sow.gn é uma curadoria da Mari Weckerle, a @gurianatureba.

Você já nos segue no Instagram? Confere os outros posts, você vai amar!

Clica aqui para conferir outros posts sobre sustentabilidade.

[email protected]

Temos alma livre e sede de aprendizado. Aqui você vai encontrar muito conteúdo sobre beleza natural, cultura, sustentabilidade e viagens inesquecíveis. Vamos semear boas ideias juntos?

Visão geral da revisão
SEM COMENTÁRIOS

Poste um comentário

15 − 4 =