Home / Lifestyle  / Chimarrão

Chimarrão

Você sabia que o chimarrão, bebida tão tradicional e queridinha aqui no Sul (ainda mais nesse inverno!), pode apresentar diversos benefícios para a saúde?! Confere o post que a nutri Monique Moreira escreveu sobre o assunto: A erva-mate

Você sabia que o chimarrão, bebida tão tradicional e queridinha aqui no Sul (ainda mais nesse inverno!), pode apresentar diversos benefícios para a saúde?!
Confere o post que a nutri Monique Moreira escreveu sobre o assunto:

A erva-mate (Ilex Paraguariensis) é rica em polifenóis e, especialmente, em uma substância chamada ácido clorogênico, e por isso, tem um alto poder antioxidante, importante para proteger o nosso corpo contra radicais livres, prevenindo o envelhecimento precoce e diversas doenças crônicas.
O ácido clorogênico também é anti-inflamatório, ajuda na oxidação de gorduras e melhora a sensibilidade à insulina (importante para pessoas diabéticas, obesas e mulheres com SOP). Além disso, por conter cafeína, o chimarrão age como estimulante para prática de atividades físicas, aumentando a termogênese. Ou seja, uma bom aliado para quem quer emagrecer. Porém, pessoas mais sensíveis à cafeína, metabolizadoras lentas dessa substância, gestantes e pessoas com gastrite e refluxo devem ter cautela no seu consumo.

Vários estudos mostram que o consumo da erva-mate ajuda na redução do colesterol, na digestão e na concentração. Sabe-se ainda que o chimarrão tem ação diurética, auxiliando a eliminar líquidos e toxinas, mas por isso não pode ser substituído pela hidratação com água. Apesar de todos esses benefícios, é muito importante prestar atenção à temperatura da água,
pois o consumo frequente do chimarrão com elevadas temperaturas (maiores que 60ºC) pode aumentar o risco de desenvolver câncer de boca e de esôfago, cujas incidências são maiores no Rio Grande do Sul.
Vale ressaltar também que, na nutrição, nenhuma estratégia funciona isoladamente. Para obter esses benefícios do consumo do chimarrão é preciso ter um estilo de vida saudável, com alimentação equilibrada, prática de exercício físico e saúde mental.

Alguns detalhes são importantes na hora de escolher a erva-mate:
– Olhe no rótulo a lista de ingredientes, pois algumas ervas que encontramos no mercado tem adição de açúcar, o que não é interessante! Portanto, escolha aquelas que contenha como ingrediente apenas a erva ou com adição de outros chás se você gostar.
– Outra dica é preferir as orgânicas (a embalagem possui um selo indicando). O ideal é mantermos uma alimentação mais orgânica possível, então com o chimarrão e outros chás devemos seguir esse mesmo critério.
Assim garantimos mais qualidade nutricional, pois não há o uso de agrotóxicos, que são substâncias químicas prejudiciais para a nossa saúde!
*texto escrito pela nutricionista funcional Monique Moreira

[email protected]

Mari Weckerle é arquiteta, gaúcha e especialista em gastronomia saudável! É a Criadora da Plataforma Digital Guria Natureba e curadora da SOW!

Visão geral da revisão
SEM COMENTÁRIOS

Desculpe, o formulário de comentários está fechado neste momento.